Categories
micrônicas

Os churros

Eles eram de outro país e ficavam no outro lado da cidade. Mas eu queria. Custavam 1 dinheiro e eu podia comer vários, já que tinha uma reserva bem grande na cintura. Chorava quando minha mãe não me levava. Era a injustiça. Viajar 500 km e regular mais 20 km para chegar até lá. Eu chorava. Minha mãe às vezes cedia. E comia mais do que eu, mesmo sem ter reserva na cintura.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *